Um “conto” de saúde pública.

Por Sueliton Lima. [ http://www.facebook.com/sueliton.lima.photographia?fref=ts ]


Hoje acordei de mal humor e sei que vai aumentar pois hoje, tenho consulta marcada em um posto de saúde. Com base na minha experiência, sei que terá um monte de funcionário de merda “papeando” durante o serviço, onde 80% do assunto é PESSOAL e deveria ficar fora do período de trabalho. Sei que o filho da puta do médico vai chegar com uma hora de atraso (isso se eu der sorte), com a cara de felicidade, vai passar na recepção (como se estivesse adiantado para entrar no turno) e ficar de prosa com os mesmo funcionários de merda que adoram cuidar de assuntos pessoais durante o trabalho, enquanto uma fila de CONFORMADOS esperam e depois do atendimento ainda saem dizendo: esse médico é ótimo e blábláblá. Posto de saúde é lugar de gente feliz, pelo menos pros funcionários, pois pra quem precisa de atendimento e tem que se submeter a esperar por um vagabundo por mais de tres horas pra ser atendido (e quando voce entra na porra da sala, o vagabundo nao olha nem na sua cara, a consulta dura 2 minutos) enquanto ao seu redor só se ver gente fofocando e com 0% de boa vontade em atender quem paga os seus salários, nós a população! Esses porcos deveriam ter em mente que eles não estão fazendo favor pra nós pagadores de impostos. É a OBRIGAÇÃO deles nos atender, de preferencia com rapidez e RESPEITO!

Spinelli Détachez.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s